07/12/2015

Pato Confitado com Batatas Crocantes na Manteiga






Adoro Pato!! Antigamente, pato para mim era sinonimo de arroz de pato, ponto final. Desde que aprendi que pato é muito mais que isso, virou uma festa cá por casa, com direito a 1 gaveta de congelador só para ele :)

As pernas são das coisas que mais comemos, mas sempre, e repito, SEMPRE, desta maneira. A Nigella fez das melhores coisas da vidinha dela, e da minha!

Quis variar e nas pesquisas encontrei o famoso Confit de Canard. Consiste em cozinhar o pato em temperatura baixa por muitas horas e conservá-lo na sua gordura. 

Se ficou bom?? Divinal! Muito macio, estaladiço, saboroso! 
No entanto, consigo o mesmo resultado com a receita da Nigella, e por menos 1 hora e meia... e mais... com batatas já incluídas e sem necessidade de gastar a reserva nacional de azeite numa só receita ehehe :)

Quanto à gordura que sobrou guardei num frasco e uso em assados, tem um optimo sabor!


Ingredientes:

- 3 pernas de pato
- 3 coxas de pato
- 4 dentes de alho
- 1 folha de louro partida em 3
- 600 ml de azeite
- sal

Batatas crocantes na manteiga:

- batatas descascadas e cortadas em cubos
- sal
- tomilho seco
- 3 dentes de alho esmagados
- 2 colheres de sopa de azeite
- 2 colheres de sopa de margarina


Preparação:

Pré aquecer o forno a 120º.

Temperar os pedaços de pato com bastante sal e reservar no frio de um dia para o outro. 
No dia seguinte, passá-las por agua e enxugar com papel absorvente. Coloca-las num pirex de modo a que caibam a conta todos, juntas, com a pele virada para cima.

Cobrir com o azeite, de modo a que fiquem submersas ( as minhas ficaram praticamente, entretanto a gordura do prato também derrete), e temperar com os dentes de alho esmagados, e a folha de louro. Levar ao forno por 3 horas. Ao fim de 1 hora, comecei a ver uma parte da pele do pato fora do azeite, então cobri com papel prata, no qual fiz uns golpes.

Findo este tempo, tem 2 hipóteses:

Ou coloca as pernas num frasco de vidro cobrindo com a gordura do pirex coada, fecha e guarda no frigorífico até ao dia de usar... E aí basta retira-las da gordura ( sem enxugar completamente) e passá-las na frigideira de modo a que fiquem bem douradinhas...

Ou retira o papel prata e aumenta a temperatura para 200, 220, retirando alguma gordura para que a pele do pato fique de fora e toste por 20 a 30 minutos.

Quanto ao acompanhamento, cortar as batatas em cubos grandes. Cozê-las em agua e sal sem deixar que se desmanchem.

Numa frigideira larga colocar os dentes de alho esmagados, o tomilho, o sal fino e as gorduras. Acrescentar as batatas e deixar fritar cerca de 20 minutos, virando a meio do tempo com cuidado para que não se desmanchem.

Acompanhei também com grelos salteados com castanhas cozidas.

12 comentários:

  1. Uma refeição deliciosa,....nós cá em casa gostamos muito,...
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    http://strawberrycandymoreira.blogspot.pt/
    www.facebook.com/omeurefugioculinario

    ResponderExcluir
  2. Ficou fantástico! Uma bela sugestão para o Natal! Beijinhos

    ResponderExcluir
  3. Eh pá, está bem apetitoso, também eu gosto muito de pato e a tua sugestão... deliciosa.

    ResponderExcluir
  4. Há imenso tempo que não cozinho pato, e olha que gosto bastante.
    Adorei esta tua sugestão!

    ResponderExcluir
  5. Pratinho gostoso para inciarmos a semana, ótima sugestão!
    Aqui no Brasil o pato é muito caro, vou fazer essa receita substituindo
    o pato pelas coxas de frango.
    O meu pai tinha uma criação de pato, já comemos muito, hoje em dia ele não
    cria nenhum só galinhas.

    Beijos, ótima semana! ♥

    ResponderExcluir
  6. Querida Natacha,
    Eu também adoro pato e também já fiz pato confitado e é algo de indulgente e magnífico. Dá um bocadinho de trabalho e tem que ser pensado com antecedência, mas vale a pena e é uma forma super gourmet e deliciosa de degustar esta iguaria.
    Um beijinho,
    Lia

    ResponderExcluir
  7. Absolutamente esta es una receta que me ha enamorado. Perfecta para esta próxima Navidad y dejar con la boca abierta a los invitados, enhorabuena, me encanta!!
    Besos y feliz semana!!

    ResponderExcluir
  8. Eu nem gosto muito de pato, mas esse tem um aspeto maravilhoso!

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  9. hummmm, passando para conhecer o blog e me deparando com esse prato lindo que por sinal deve ter ficado um espetaculo, ja fiquei como seguidora.
    bjs e otima semana.
    http://ornague.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. It looks like a delicious meal.

    ResponderExcluir
  11. Pato pato patinho, é tão boooom é uma das minhas carnes favoritas e essa batatinha ai mãezinha... como eu dava agora mesmo uma trinca ;)

    ResponderExcluir
  12. Adoro pato como tu, mas ainda não passei da fase do arroz! Tenho de experimentar esta receita ou a outra, ambas parecem fantásticas ;)

    ResponderExcluir

Comentários Verdes

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...